Medvedev ameaça deixar acordo nuclear

O presidente russo, Dmitri Medvedev, ameaçou ontem abandonar o Tratado de Limitação de Armas Estratégicas (Start) com os EUA, caso a Rússia e a Otan não cheguem a um acordo sobre a defesa antimísseis. "Se os Estados Unidos querem o desdobramento de um sistema de defesa antimísseis na Europa, a Rússia se reserva ao direito de abandonar o novo tratado Start", disse Medvedev em entrevista coletiva.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.