Medvedev fez ''visita preventiva''

Em uma reação antecipada à primeira visita do presidente Barack Obama à África Subsaariana, seu colega russo, Dimitri Medvedev, realizou no mês passado o maior tour no continente africano de um chefe de Estado russo desde o fim da União Soviética. Medvedev e mais de cem empresários visitaram Egito, Nigéria, Namíbia e Angola, fechando contratos para extração de petróleo, gás, diamantes e urânio - Obama pretende discutir em Gana temas como democracia e aquecimento global. Em Lagos, a estatal russa Gazprom fechou um acordo de US$ 2,5 bilhões para construir um duto que ligará a Nigéria à Europa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.