SAUL LOEB / AFP
SAUL LOEB / AFP

Melania diz ignorar alegações sobre traição de Trump

Primeira-dama dos EUA afirmou que ama o marido e tem preocupações mais importantes do que a suposta infidelidade do presidente

O Estado de S.Paulo

12 Outubro 2018 | 10h42

WASHINGTON - A primeira-dama dos Estados Unidos, Melania Trump, disse que ama seu marido e presidente do país, Donald Trump, e que tem "coisas muito mais importantes sobre as quais pensar" do que as alegações de que ele a teria traído. Melania foi entrevistada durante sua viagem à África pelo canal ABC, que transmitiu trechos da gravação nesta sexta-feira, 12, no programa Good Morning America.

A primeira-dama disse que é uma "mãe e primeira-dama" e que os meios de comunicação "especulam" sobre seu casamento e fazem "circular a fofoca". Segundo ela, as alegações da infidelidade de seu marido não são uma "preocupação".

A atriz pornô Stormy Daniels afirma ter se relacionado com Trump anos atrás, quando ele já era casado com Melania. O presidente negou o encontro com ela, mas reconheceu o reembolso a seu advogado por um pagamento feito à atriz. Melania se manteve quieta sobre o assunto. Quando questionada se ama seu marido, a resposta foi positiva. "Sim, estamos bem. Sim." / AP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.