Membro da Al-Qaeda morre e 13 são detidos no Afeganistão

Um suposto membro da rede terrorista Al-Qaeda foi morto nesta terça-feira e outros 13 foram detidos numa operação de forças do Exército afegão e da coalizão militar liderada pelos EstadosUnidos no país, informou o comando militar. Segundo um comunicado divulgado pela coalizão, os confrontos aconteceram nesta manhã (horário local) no povoado de Ya´Qubi, na província de Jost,leste do país, fronteira com o Paquistão. "O propósito da operação era capturar um conhecido colaborador da Al-Qaeda considerado uma ameaça para as tropas", afirma a nota.Segundo relatórios da Inteligência, o suspeito introduzia armas e explosivos no país. Os militares disseram que durante a operação foram confiscados detonadores e outros materiais para a fabricação de bombas dentro de dois edifícios que abrigavam mais de 60 mulheres e crianças. Asarmas foram destruídas, afirmam os militares da coalizão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.