Membro do MST é expulso de Israel

O brasileiro Mário Lill, do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST), foi expulso hoje de Israel juntamente com outros ativistas estrangeiros. Ele fazia parte de um grupo de 40 manifestantes que furou ontem o bloqueio israelense para fazer uma visita ao presidente da Autoridade Nacional Palestina, Yasser Arafat, na cidade de Ramallah. Segundo informações da Globo News, Lill, foi expulso juntamente com o ativista francês José Bové, e outros oito estrangeiros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.