Membros de tribo derrubam avião do Exército no Iêmen

Aeronave foi atingida perto de Arhab, onde tribos combatem a força de elite Guarda Republicana

AE, Agência Estado

28 de setembro de 2011 | 09h17

SANAA - Membros de tribos que lutam contra as tropas do Iêmen derrubaram um avião de combate a norte de Sanaa nesta quarta-feira, 28, segundo testemunhas e fontes nas tribos. O avião foi atingido perto de Arhab, 40 quilômetros ao norte da capital, onde membros das tribos armados combatem a força de elite Guarda Republicana.

 

Veja também:

especialInfográfico: A revolta que abalou o Oriente Médio

A Guarda Republicana é comandada por Ahmed, irmão do presidente Ali Abdullah Saleh. O avião caiu na vila de Beit Azar e o piloto foi ejetado e capturado por membros da tribo. Houve vários ataques aéreos na área tribal de Arhab após um general e seis soldados serem mortos no domingo em confrontos entre membros de tribos e a Guarda Republicana.

O general Abdullah al-Kulaibi foi morto em um ataque de membros de tribos contrários a Saleh na cidade de Nihm, segundo o Ministério da Defesa. Quatro dos agressores foram mortos durante o ataque à base militar, a 60 quilômetros da capital iemenita.

Saleh sofre pressão internacional para renunciar ao poder e permitir eleições. Ele retornou ao país na semana passada, gerando uma onda de violência que deixou vários mortos.

 

As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.