Menino de 12 anos morre após sair de montanha-russa na Disney

Um menino de doze anos morreu neste quinta-feira após sair de uma montanha-russa no parque temático da MGM, na Disney World, em Orlando. A administração do parque disse que a investigação preliminar mostrou que o brinquedo estava operando normalmente. Ainda assim, ele foi fechado.O menino morreu depois de ter sido levado por uma ambulância para um hospital, segundo um comunicado da Disney."Nós não sabemos se foi um trauma ou uma questão de saúde", disse o porta-voz do xerife do condado, Jim Solomons. A polícia está investigando o parque. A descrição da montanha-russa no site da Disney diz: "Zoom de 0 a 100 km/h com a força de um supersônico F-14, com loops de alta velocidade e voltas sincronizadas com uma trilha sonora especial gravada pelo grupo Aerosmith".Outras mortesDuas outras pessoas morreram depois de terem ido a outra atração da Disney. A montanha-russa "Missão: Espaço", no parque Epcot, que simula passeios em uma centrífuga que chega a duas vezes a força da gravidade.Daudi Bamuwamye, de 4 anos, morreu no dia 13 de junho de 2005. A autópsia determinou que ele morreu de uma batida do coração irregular relacionada com o engrossamento do músculo do coração que pode causar uma morte súbita.Em abril deste ano, uma mulher alemã de 49 anos ficou doente e morreu após usar o brinquedo. Os exames médicos disseram que a morte foi causada por um sangramento no cérebro. Ela teria sofrido um severo e longo período de pressão alta do sangue.A montanha-russa tem um aviso de que pessoas com problemas no coração, pescoço e nas costas não devem ir ao brinquedo. O parque Epcot oferece agora uma versão da "Missão: Espaço" que não inclui a força centrífuga.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.