Menino de nove anos mata menina de dois no Texas

Ninguém será indiciado no caso em que um menino de nove anos matou a facadas uma menina de dois, no Texas, disse a polícia de Dallas nesta terça-feira, após uma investigação. O incidente aconteceu no último dia 22 de dezembro, em uma casa na zona sudoeste de Dallas, onde uma garota de 15 anos foi deixada cuidando de pelo menos dez irmãos e duas outras crianças, inclusive a vítima. Damya Jefferson levou duas facadas no peito, desferidas por um menino de nove anos que vive na casa, segundo relatos publicados.O menino não será indiciado por ser menor, segundo o sargento da polícia Gil Cerda. "É preciso ter pelo menos dez anos para ser indiciado no Texas", explicou. Tampouco há acusações possíveis contra os pais do menino, segundo o policial. "Não há mais investigações". Após o crime, o menino agressor foi levado para o Departamento de Serviços de Proteção à Criança do Texas. Todas as demais crianças que estavam na casa, inclusive um irmão da vítima, foram deixados sob os cuidados de parentes ou de terceiros, até uma audiência decidir se eles podem ser devolvidos aos pais, de acordo com o jornal Dallas Morning News.Marissa Gonzales, dos Serviços de Proteção à Criança, disse à emissora Fox News, na terça-feira, que a agência havia investigado em várias ocasiões, nos últimos anos, suspeitas de negligência contra crianças na casa. Apesar disso, nenhuma criança jamais fora retirada de lá. "Essa mãe, trabalhamos com ela várias vezes, na maioria para garantir que as necessidades das crianças fossem atendidas", afirmou ela. "Não acho que houvesse qualquer indicativo de que qualquer dessas crianças fosse violenta e pudesse fazer mal a outra criança".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.