Menor preso em Portugal por participar da morte de brasileiro

Um menor, de 16 anos, foi preso preventivamente pela suposta participação no assassinato de um transexual brasileiro na localidade do Porto, publicou hoje o jornal Público.Segundo a publicação, o suspeito faz parte de um grupo de 14 adolescentes que supostamente matou a vítima a socos e pedradas. O jornal Público informa que o Tribunal de Menores decretou a prisão preventiva do menor após ouvir os depoimentos dos adolescentes, com idades que variam de 13 a 16 anos.A justiça também ordenou a internação de outro suspeito em um centro correcional por três meses, enquanto outros dez ficarão em regime aberto nesta mesma entidade.Com relação aos outros dois adolescentes citados, um foi considerado totalmente inocente e o último voltou para a instituição de amparo social na qual todos estavam internados anteriormente.Os 14 adolescentes são suspeitos de assassinar um morador de rua de 45 anos que se prostituía no Porto. Especula-se que ele tenha morrido na segunda-feira passada, embora a Polícia portuguesa só tenha tido conhecimento do crime na quarta-feira.O corpo da vítima foi encontrado em um fosso com água de um estacionamento subterrâneo do centro do Porto, quando já apresentava sinais de decomposição.O jornal Correio da Manhã publicou hoje que amigos da vítima realizam uma campanha para levantar fundos para custear o envio do corpo para São Paulo, onde moram seus pais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.