Merkel defende parceria comercial entre UE e EUA

A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, expressou neste sábado forte apoio a um acordo de livre comércio transatlântico entre os Estados Unidos e a União Europeia, argumentando que ele ajudaria a aumentar o potencial exportador alemão.

AE, Agência Estado

08 de fevereiro de 2014 | 12h33

"Apesar de todas as dificuldades... As oportunidades oferecidas por um acordo comercial como esse são muito maiores do que os riscos", disse a chanceler, em uma entrevista coletiva após uma reunião do conselho federal de seu partido União Democrata Cristã. "Vai compensar nos esforçarmos ao máximo para a criação de uma grande zona de comércio com menos barreiras. Se queremos ser economicamente fortes, precisamos dessas parcerias comerciais".

A planejada Parceria de Comércio e Investimento Transatlântica, conhecida como TTIP, foi alvo de críticas pelo temor de que se concentre demais em interesses econômicos, em detrimento da segurança de dados, dos padrões ambientais e da proteção ao consumidor.

Empresas como a alemã Siemens, no entanto, argumentam que é uma situação ganha-ganha porque ajudaria reindustrializar os EUA e a reconstruir a competitividade da Europa. A Alemanha é o terceiro maior exportador mundial de mercadorias.

A próxima rodada de negociações entre os EUA e a UE está marcada para março. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
ueeuaparceriacomércio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.