Daniel Roland/AFP
Daniel Roland/AFP

Merkel é alvo de tomates durante ato eleitoral no oeste da Alemanha

Segundo relata o site 'Heidelberg24', um dos tomates resvalou em Merkel quando ela já tinha acabado seu discurso e a chanceler reagiu com tranquilidade

O Estado de S.Paulo

05 Setembro 2017 | 18h10

BERLIM - Desconhecidos lançaram dois tomates contra a chanceler alemã, Angela Merkel, nesta terça-feira, 5, durante um ato organizado pela União Democrata-Cristã (CDU) na cidade de Heidelberg, no oeste do país, dentro da campanha para as eleições de 24 de setembro.

Segundo relata o site Heidelberg24, um dos tomates resvalou em Merkel quando ela já tinha acabado seu discurso e a chanceler reagiu com tranquilidade, limpando com um lenço a jaqueta vermelha que tinha escolhido para o ato.

Outro dos tomates lançados da área de espectadores não chegou a tocá-la.

Na praça da Universidade de Heidelberg, onde o ato foi realizado, tinham se reunido cerca de 3 mil pessoas e também alguns manifestantes que tentaram boicotar o evento com gritos e vaias.

Amanhã, Merkel deve protagonizar outro ato no Estado da Saxônia (leste do país), bastião da ultradireita, onde também se esperam protestos. / EFE

Mais conteúdo sobre:
Alemanha [Europa]Angela Merkel

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.