Merkel visita papa e os 2 falam de Europa forte e justa

A chanceler alemã, Angela Merkel, consciente do peso dos eleitores cristãos nas eleições de setembro no país, discutiu com o Papa Francisco como a economia da Europa deve servir melhor as pessoas.

AE-AP, Agência Estado

18 de maio de 2013 | 11h01

Merkel voou para Roma neste sábado, 18, para uma sessão de 45 minutos com o Papa, no Vaticano. Seu partido, Democrata-cristão, depende fortemente do apoio de eleitores católicos e protestantes e um bate-papo seguido de foto poderia ser um bom chamariz para a campanha.

Na quinta-feira, 16, o Papa Francisco criticou o que chamou de "culto do dinheiro" que tiraniza os pobres.

Merkel disse que os dois discutiram regulação dos mercados financeiros, acrescentando que a economia não tem servido sempre as pessoas como deveria. Ela disse que o papa destacou a necessidade de uma Europa forte e justa.

Já o Vaticano disse que os dois trocaram pontos de vista sobre como a Europa pode ser uma comunidade de valores, incluindo a liberdade religiosa.

Tudo o que sabemos sobre:
Merkelpapa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.