REUTERS/Philippe Wojazer
REUTERS/Philippe Wojazer

Mesquita de Paris suspende homenagem a vítimas de atentado por insegurança

Evento convocado na terça-feira teria leitura de ‘texto solene’ contra terrorismo; atos ao ar livre continuam proibidos na capital francesa

O Estado de S. Paulo

19 de novembro de 2015 | 15h05

PARIS - A manifestação em homenagem às vítimas dos atentados de Paris marcada para a sexta-feira, em frente à Grande Mesquita de Paris foi suspensa pelos organizadores por motivos de segurança, informou a instituição religiosa nesta quinta-feira, 19.

"Após deliberar junto com a polícia de Paris, parece que não se dão as condições de segurança para uma concentração pública", afirmou comunicado divulgado pela Mesquita.

Na terça-feira a instituição religiosa convocou "todos os cidadãos de confissão muçulmana e seus amigos a expressar sua profunda adesão a Paris, à sua diversidade e aos valores da República" em uma manifestação pacífica.

Ao ato, concebido "contra o terrorismo", estava prevista a presença do grande reitor da Mesquita de Paris, Dalil Boubakeur, e a prefeita da cidade, Anne Hidalgo.

A prefeitura de Paris estendeu a proibição de manifestações ao ar livre na cidade até o próximo domingo. / EFE

Tudo o que sabemos sobre:
França

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.