Metade da Alemanha apoia zona do euro sem Grécia

Berlim, 08/07/2012 - Cerca de metade da população alemã acredita que a zona do euro seria melhor sem a Grécia, de acordo com uma pesquisa a ser publicada na revista semanal alemã Focus na segunda-feira.

Agência Estado

08 de julho de 2012 | 10h32

A pesquisa, realizada pelo Instituto Emnid, revelou que 49% dos alemães apoiariam uma saída da Grécia da moeda única, enquanto 43% disse querer que o país continue no bloco e 8% se absteve de responder. A pesquisa foi conduzida entre 4 e 5 de julho com mil pessoas. No mês passado, a mesma pergunta foi feita e 46% dos alemães apoiavam a saída da Grécia.

Embora seja bastante provável que o primeiro-ministro da Grécia Antonis Samaris passe pelo voto de confiança no parlamento neste domingo, ele terá de enfrentar a difícil tarefa de reivindicar uma renegociação do acordo de resgate do país com a União Europeia (UE) e o Fundo Monetário Internacional (FMI).

A Grécia pediu mais tempo para alcançar suas metas de pagamento, mas primeiro deve ganhar a confiança dos auditores que estão investigando as finanças gregas antes de liberarem a próxima fatia do resgate. As informações são da Dow Jones. (Paula Moura - paula.moura@grupoestado.com.br)

Tudo o que sabemos sobre:
AlemanhaGréciaFocus

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.