México: 53,8% dos menores de idade vivem na pobreza

Pouco mais da metade das crianças e adolescentes do México vivia em situação de pobreza em 2012, segundo um levantamento do governo divulgado hoje.

AE, Agência Estado

29 de abril de 2014 | 16h57

O estudo do Conselho Nacional de Avaliação da Política de Desenvolvimento Social, em conjunto com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), constatou que 53,8% dos menores de 18 anos viviam em algum nível de pobreza e eram o setor mais vulnerável da sociedade. No conjunto da população mexicana, 45,5% das pessoas viviam em situação de pobreza em 2012.

Em termos porcentuais, a pobreza infantil manteve-se praticamente estável em relação a 2010, quando 53,7% das crianças e dos adolescentes do país encontravam-se na mesma condição.

Em números brutos, porém, o total de crianças e adolescentes pobres caiu de 21,72 milhões em 2010 para 21,17 milhões em 2012. O número de crianças e adolescentes em situação de pobreza extrema também caiu no período, passando de 5,14 milhões para 4,23 milhões no mesmo intervalo. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Méxicopobreza

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.