Cedars-Sinais via AP
Cedars-Sinais via AP

México aprova uso emergencial da vacina da Pfizer

País é o primeiro da América Latina a liberar imunizante

Redação, O Estado de S.Paulo

11 de dezembro de 2020 | 22h21

CIDADE DO MÉXICO - O órgão regulador mexicano Cofepris aprovou o uso emergencial da vacina covid-19 da Pfizer, disse o vice-ministro da Saúde, Hugo Lopez-Gatell, nesta sexta-feira, 11.

“O México é o quarto país cuja agência reguladora de saúde, Cofepris, concedeu autorização para uso em emergências para a vacina da

Pfizer-Biontech contra o vírus Sars-cov-2 para a prevenção da covid-19", disse o funcionário em uma entrevista coletiva. Além do país, já aprovaram o uso emergencial Reino Unido, Bahrein e Canadá.

O México registrou 12.253 novos casos confirmados de infecção por coronavírus e 693 mortes adicionais, elevando o total no país para 1.229.379 casos e 113.019 mortes. /REUTERS e AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.