México detém o 'Comandante Diabo' em Veracruz

Autoridades mexicanas detiveram um suposto integrante do cartel do narcotráfico Los Zetas, responsável pelo desaparecimento de três fuzileiros navais, anunciou a Marinha do México nesta sexta-feira. Angel Mora, de codinome "Comandante Diabo" foi detido na quinta-feira em um bairro operário na cidade de Veracruz, no Golfo do México. Além de Mora, foi detido um outro homem armado, Gregorio Maldonado, disse a Marinha.

AE, Agência Estado

30 Setembro 2011 | 17h24

As autoridades acreditam que Mora, de 25 anos, e Maldonado, são integrantes de uma célula de Los Zetas que sequestrou três fuzileiros navais em 29 de julho. A polícia acredita que os três foram mortos. Junto a Mora e Maldonado, foram apreendidos seis rifles de assalto.

Também nesta sexta-feira, as autoridades do Estado de Nuevo León anunciaram a detenção de Roberto López, que é suspeito de ser um dos mentores de um incêndio criminoso contra um cassino que deixou 52 mortos em 25 de agosto. López, de 32 anos, também é suspeito de pertencer a Los Zetas.

As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.