México emite alerta por contaminação de rio

O México emitiu um novo alerta por conta de uma inundação de água tóxica de uma mina de cobre operada pelo Grupo Mexico para um rio. A informação foi anunciada pelo diretor de proteção civil do estado de Sonora, Carlos Arias.

AE, Estadão Conteúdo

21 de setembro de 2014 | 18h13

Arias explicou que a agência insistiu que as pessoas evitem usar a água do Rio Sonora após governos locais reclamarem de uma pluma tóxica. Ele acrescentou que um voo sobre o local mostrou uma faixa laranja anormal sobre a região e disse que o departamento está tomando medidas para garantir que as pessoas não entrem em contato com a água até que ela seja testada.

Mais cedo, o Grupo Mexico informou em comunicado que chuvas excessivas provocadas pelo furacão Odile levou à inundação da água tóxica da mina de cobre, contaminando alguns riachos e córregos. A empresa assegurou ter contido o fluxo de água para fora da mina, mas não identificou a substância vazada. Essa unidade produz 200 mil toneladas de cobre por ano. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Méxicovazamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.