Guillermo Gutierrez/AP
Guillermo Gutierrez/AP

México: explosão em escritório da Pemex mata ao menos 14 pessoas

Causa da explosão, que foi no porão do prédio, ainda não foi encontrada, segundo porta-voz da estatal mexicana

Agência Estado

01 de fevereiro de 2013 | 00h06

SÃO PAULO - Uma explosão nos escritórios da companhia estatal de petróleo do México (Pemex) matou pelo menos 14 pessoas e deixou mais de 80 feridos nesta quinta-feira. Dezenas de pessoas ficaram presas no edifício na Cidade do México.

Equipes de resgate procuram por sobreviventes no porão da torre de escritórios, que é um dos mais altos arranha-céus da capital mexicana. Também há várias pessoas sendo carregadas em macas e helicópteros levando feridos para hospitais.

As causas da explosão, que ocorreu no porão do edifício, ainda são desconhecidas, disse o porta-voz da Pemex, Francisco Montano.

O presidente mexicano, Enrique Pena Nieto, expressou suas condolências às famílias das vítimas e disse, no Twitter, que estava indo para o complexo de escritórios para supervisionar os esforços das equipes de resgate. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
MéxicoPemexexplosão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.