México pede ajuda para conter incêndios florestais

O governo do México pediu hoje a ajuda dos Estados Unidos e do Canadá para conseguir controlar os incêndios florestais que já devastaram uma área de cerca de 75 mil hectares no norte de seu território. De acordo com a Secretaria de Ambiente do país, o pedido oficial foi encaminhado na semana passada.

AE, Agência Estado

11 de abril de 2011 | 16h51

Por meio da nota, a secretaria informou que o titular da pasta, Juan Rafael Elvira Quesada, enviou uma carta ao embaixador norte-americano no México, Carlos Pascual, para requisitar recursos materiais, especificamente aviões cisterna, para combater o incêndio florestal perto da fronteira com os EUA.

Ao Canadá, a Secretaria de Ambiente do México requisitou um avião cisterna e combustível para despejar água da Represa da Amizade, na fronteira mexicana com os EUA, até a região dos incêndios, prossegue a nota.

A área devastada pelas chamas situa-se no Estado mexicano de Coahuila, que faz fronteira com o Estado norte-americano do Texas. Os incêndios florestais no norte do México começaram depois de uma tempestade elétrica ocorrida em março. Fortes ventos dificultam o combate às chamas. As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.