México prende chefe do cartel Beltrán Leyva

CIDADE DO MÉXICO

REUTERS e AP, O Estado de S.Paulo

14 de setembro de 2010 | 00h00

As Forças Armadas mexicanas prenderam no fim de semana Sergio Villarreal Barragán, conhecido como "El Grande", principal operador do cartel de drogas dos irmãos Beltrán Leyva.

O ex-policial, por quem o governo oferecia uma recompensa de cerca de US$ 2,3 milhões, foi detido na cidade de Puebla, perto da capital mexicana.

A prisão marcou uma nova vitória para a guerra contra as drogas liderada pelo presidente mexicano, Felipe Calderón, depois da prisão no fim do mês passado de Edgar "La Barbie" Valdez, outro chefão que disputava a liderança do mesmo cartel depois que as autoridades mataram o então líder da quadrilha em dezembro. O cartel é um dos que têm maior presença no país, com operações em ao menos 9 dos 32 Estados mexicanos, incluindo a capital.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.