México prende empresário de pornografia infantil

Um homem de 25 anos, acusado de ser um dos principais promotores da pornografia infantil na internet mexicana, foi detido pelas autoridades. A Polícia Federal Preventiva (PFP) infomou que Leobardo Díaz Sarabia utilizava a rede mundial de computadores para divulgar imagens sexuais com meninas de seis e 16 anos, além de vender CDs de pornografia infantil.Ao ser preso, o suspeito trazia consigo uma pasta com um computador portátil e vários CDs com imagens de meninas, algumas fazendo sexo com adultos. Ele disse ser parte de uma organização chefiada por um uruguaio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.