México: presidente desmente suspensão de resgate em mina

O presidente do México, Vicente Fox, esclareceu ontem que não foi suspensa a operação de resgate dos 65 trabalhadores presos desde domingo passado em uma mina de carvão em Coahuila, desmentindo, assim, um anúncio feito quinta-feira pelo ministro do Trabalho. "Os trabalhos não serão encerrados. Estão sendo feitas perfurações diretas para poder se chegar ao ponto onde se supõem que os mineiros estão e poder conhecer suas condições através desses buracos", explicou Fox. Domingo passado ocorreu uma explosão de gás seguida de vários desmoronamentos em diferentes pontos das galerias subterrâneas, deixando os trabalhadores presos a160 metros de profundidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.