México procura mulheres desaparecidas com ajuda de tortilhas

Campanha usa anúncios com fotos e nomes de desaparecidas em embrulhos do popular alimento.

BBC Brasil, BBC

16 de novembro de 2012 | 10h54

O Estado de Chihuhua, no norte do México, lançou uma campanha para estimular moradores a relatar com rapidez o desaparecimento de mulheres, se valendo de um dos alimentos mais populares do país: as tortilhas.

Diversas lojas de tortilhas aderiram à campanha em que os nomes e fotos de mulheres desaparecidas são impressos nos papéis usados para embrulhar as tortilhas.

Os anúncios contam com slogans como ''os desaparecimentos têm de desaparecer'' e trazem ainda um número telefônico pelo qual podem ser feitas denúncias de sumiços.

Em uma das cidades que aderiram à campanha, Ciudad Juárez, centenas de mulheres desapareceram nas últimas duas décadas.

Os papéis de embrulho impressos com slogans da campanha são distribuídos gratuitamente pelo governo. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.