México: Professores voltam a bloquear acesso a aeroporto

Professores voltaram hoje a bloquear parcialmente a principal avenida de acesso ao aeroporto da Cidade do México. Eles protestam contra uma reforma no sistema de educação do país aprovada pelo governo em setembro. Depois de três horas de interdição, os manifestantes seguiram para a Secretaria de Governo, na região central da capital.

AE, Agência Estado

01 de outubro de 2013 | 16h26

Esta é a terceira vez que os professores bloqueiam o acesso ao aeroporto nas últimas semanas. Outros manifestantes também estão acampados no Monumento da Revolução desde o dia 13 de setembro, quando a ocupação foi retirada da praça Zócalo. Os atos são organizados pela Coordenação Nacional de Trabalhadores da Educação, uma ala dissidente do sindicato nacional da categoria.

Os manifestantes da Coordenação Nacional reivindicam a revisão da proposta do presidente Enrique Peña Nieto de implementar um sistema de avaliação para contratação de novos professores e manutenção dos antigos. A educação mexicana é historicamente controlada pelo sindicato nacional da categoria.

Segundo a administração do aeroporto da Cidade do México, os voos operavam normalmente nesta terça-feira, apesar das manifestações. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Méxicoprofessoresprotesto

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.