Micheletti revoga estado de sítio em Honduras

O governo empossado em Honduras depois do golpe militar de 28 de junho assinou hoje a revogação do decreto de estado de sítio imposto há pouco mais de uma semana no país centro-americano. "Nós abolimos o decreto no conselho de ministros", afirmou o presidente de facto do país, Roberto Micheletti, durante entrevista coletiva concedida hoje em Tegucigalpa.

AE-AP, Agencia Estado

05 de outubro de 2009 | 16h48

Sem fornecer mais detalhes, o líder de facto assegurou que o estado de sítio será "totalmente suspenso". A revogação entrará em vigor amanhã, disse Micheletti.

Mais cedo, Micheletti havia afirmado que a suspensão dos direitos civis entraria em vigor na terça-feira, assim que o decreto fosse publicado no diário oficial hondurenho. Com informações da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.