Mídia de Mianmá anuncia o nome de novo primeiro-ministro

A rádio e a TV estatal de Myanmar anunciaram que o primeiro-ministro, general Khin Nyunt, foi substituído pelo membro da junta militar general Soe Win. Os anúncios foram assinados pelo supremo líder da junta, general Than Shwe. O texto oficial fala que foi permitido a Khin Nyunt "se aposentar por problemas de saúde", um eufemismo usado no passado para o afastamento de membros do ministério. A rádio noticiou que Soe Win deixaria seu alto posto de primeiro-secretário da junta para assumir o cargo de primeiro-ministro. Khin Nyunt, também um dos líderes da inteligência militar, tem a reputação de moderado em comparação aos outros generais. Quando assumiu o cargo, o gesto foi encarado como um passo para a reconciliação com o movimento pró-democracia. Acredita-se que Soe Win, 56, irá impor linha dura na negociação com o movimento, liderado pela ganhadora do Nobel da Paz Aung San Suu Kyi. Os críticos do regime pedem que os militares entreguem o poder a um governo eleito. Soe Win entrou para a junta como segundo-secretário em fevereiro de 2003 e foi promovido a primeiro-secretário em agosto do mesmo ano, assumindo o lugar de Khin Nyunt, que havia se tornado primeiro-ministro.

Agencia Estado,

19 Outubro 2004 | 12h13

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.