José Pazos/EFE
José Pazos/EFE

Milhares de mexicanos vão às ruas para protestar contra presidente López Obrador

Popularidade do esquerdista ainda é alta, mas sua gestão da economia tem desagradado parte dos mexicanos

Redação, O Estado de S.Paulo

04 de outubro de 2020 | 04h06

CIDADE DO MÉXICO - Milhares de manifestantes caminharam pelo centro da Cidade do México neste sábado, 3, em uma das maiores demonstrações contra o presidente Andrés Manuel López Obrador desde sua posse em 2018.

Várias pessoas que se reuniram na maior praça do centro histórico da cidade carregavam bandeiras do México enquanto gritavam "Fora López". 

Apesar de pesquisas recentes mostrarem que o presidente esquerdista continua com alto índice de popularidade, sua gestão da economia e da segurança desagradou muitos mexicanos,  assim como sua propensão para polarizar o debate político entre apoiadores e críticos.

Antes de se tornar presidente em dezembro de 2018, López Obrador era conhecido por liderar grandes protestos em oposição ao governo. Nesta semana, ele disse que as demonstrações de insatisfação dos críticos "conservadores" mostravam que ele estava movimentando o país.

As estimativas do número de manifestantes presentes no protesto deste sábado variaram. Autoridades da Cidade do México, onde o partido de López Obrador governa, falaram em 8 mil participantes. Já um dos grupos de oposição que lideraram o movimento em prol da renúncia de López Obrador afirmaram que mais de 150 mil pessoas estiveram presentes no protesto./REUTERS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.