Milhares de sírios protestam contra ação de Israel

Centenas de milhares de sírios se reuniram hoje no centro de Damasco, em um ato orquestrado pelo governo, para protestar contra a ofensiva militar israelense na Faixa de Gaza. A manifestação foi a maior na capital síria desde o início da violência na região, em 27 de dezembro, que já deixou mais de 700 palestinos mortos. A agência estatal síria SANA estima que o número de manifestantes está em cerca de 1 milhão. Estimativas independentes afirmam que há centenas de milhares. Os manifestantes levavam imagens do presidente da Síria, Bashar al-Assad, e do líder do grupo militante Hezbollah, Hassan Nasrallah, ambos apoiadores do grupo militante Hamas, que controla Gaza. Israel alega que iniciou a ação militar para interromper o lançamento de foguetes em seu território vindos da Faixa de Gaza.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.