Milhares marcham pela saída imediata do rei

Milhares de manifestantes marcharam ontem no Bahrein pedindo a saída imediata do rei Hamad bin Isa al-Khalifa, durante o funeral do adolescente Ali Jawad Ahmad, de 14 anos, morto no dia anterior durante a dispersão de um pequeno protesto na região de Sitra. Segundo testemunhas, o jovem foi atingido na cabeça por uma bomba de gás lacrimogêneo. As autoridades negam a responsabilidade na morte e oferecem uma recompensa de US$ 26 mil por pistas do crime. Não ocorreram choques na marcha de ontem.

, O Estado de S.Paulo

02 Setembro 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.