Milhares protestam contra governo na Tailândia

Manifestantes cercaram sede do governo e pedem renúncia do premiê, Samak Sundaravej

BBC Brasil, BBC

26 de agosto de 2008 | 09h41

Milhares de manifestantes saíram às ruas da capital tailandesa, Bangcoc pedindo a renúncIa do primeiro-ministro Samak Sunaravej e de seu governo. Os manifestantes cercaram prédios públicos e ocuparam o canal de televisão estatal.   Veja também: Assista ao vídeo    Os protestos foram organizados pela Aliança do Povo pela Democracia (PAD), um grupo nacionalista que acusa o atual governo de ser aliado do ex-premiê Thaksin Shinawatra, a quem o grupo se opõe.   Segundo o correspondente da BBC em Bangcoc Jonathan Head, a aliança argumenta que as eleições democráticas causaram corrupção e prejudicaram a eficiência do governo do país. Head ressalta ainda que o grupo quer que os militares tenham um papel determinado dentro do governo para atuar como "juizes" na política tailandesa e pedem que o parlamento seja formado por indicação, e não através de eleições.   O primeiro-ministro, Samak Sundaravej, nega as acusações do PAD e afirma que assumiu um mandato democrático desde as eleições de dezembro. No entanto, o correspondente da BBC destaca que, apesar de sua confiança, Sundaravej não parece capaz de desequilibrar o movimento da oposição.

Tudo o que sabemos sobre:
Malásia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.