Milhares protestam no México contra resultado de pleito

Milhares de pessoas saíram às ruas da Cidade do México neste domingo em protesto contra o que qualificaram como "imposição" do candidato do Partido Revolucionário Institucional (PRI) como novo presidente do país. Os participantes da manifestação empunharam cartazes e entoaram frases de ordem acusando o candidato priista Enrique Peña Nieto de ter recorrido a fraude e compra de votos para levar seu partido, que governou o México ininterruptamente por mais de sete décadas, de volta à presidência este ano.

AE, Agência Estado

22 de julho de 2012 | 17h28

De acordo com o resultado oficial, o candidato da esquerda Andres Manuel López Obrador terminou a votação seis pontos porcentuais atrás de Peña Nieto. O PRI nega ter recorrido a atividades ilegais ou fraudulentas e acusa López Obrador de tentar "desqualificar o processo eleitoral com base em mentiras". Não foram divulgadas até agora estimativas sobre o número de participantes dos protestos deste domingo na capital mexicana. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Méxicoeleiçõesprotesto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.