Milicianos xiitas matam 60 em resposta a caminhões-bomba

Milicianos xiitas e policiais enfurecidos com as explosões de caminhões-bomba ocorridas na última terça-feira, 27, na cidade iraquiana de Tal Afar promoveram nesta quarta-feira, 28, uma violenta retaliação contra moradores sunitas da região, matando aproximadamente 60 pessoas, informaram autoridades locais.Os milicianos e os policiais percorreram nesta quarta-feira os bairros majoritariamente sunitas de Tal Afar e começaram a atirar nos moradores, disseram fontes na polícia e um político local.Na terça, dois caminhões-bomba foram detonados simultaneamente em mercados diferentes da cidade. Pelo menos 63 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas. Depois das explosões, insurgentes sunitas tentaram promover emboscadas contra ambulâncias que resgatavam os feridos, mas foram impedidos pela polícia, disseram autoridades locais.Ali al-Talafari, um integrante sunita do Partido da Frente Turcomana, disse que o Exército iraquiano deteve 18 policiais suspeitos de participação no massacre. Os policiais teriam sido identificados por sobreviventes dos ataques. Mas também havia milicianos xiitas entre os responsáveis, prosseguiu Talafari.De acordo com ele, mais de 60 sunitas morreram nos ataques, mas um diretor de um grande hospital de Tal Afar disse que 45 pessoas morreram e pelo menos quatro ficaram feridas nos ataques desta quarta.A polícia informou que dezenas de pessoas morreram, mas não dispunha de números precisos. Problemas de comunicação dificultavam uma verificação mais exata.De acordo com autoridades locais, os ataques estenderam-se por mais de duas horas. A violência só terminou depois que soldados do Exército foram deslocados para os bairros sunitas e um toque de recolher foi imposto na cidade, disseram Wathiq al-Hamdani, comandante da polícia local, e Abdul-Karim al-Jibouri, diretor de operações das forças de segurança na região.Tal Afar, uma cidade situada mais de 400 quilômetros a noroeste de Bagdá, fica na província de Nínive, cuja capital é Mossul. A população de Tal Afar é majoritariamente turcomana. Os xiitas compõem cerca de 60% da população e os sunitas são representados pelos aproximadamente 40% restantes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.