Msallam Abd Albaset/Reuters
Msallam Abd Albaset/Reuters

Milícias aliadas a Assad ocupam região de Damasco, diz oposição

Militantes xiitas do Iraque e do Líbano tiveram ajuda do Exército sírio; ao menos 20 rebeldes morreram

O Estado de S. Paulo,

10 de outubro de 2013 | 11h39

AMÃ - Milícias xiitas do Iraque e do Líbano, com apoio do Exército sírio, ocuparam na quarta-feira 9 um subúrbio da zona sul de Damasco, disseram ativistas da oposição síria, num revés para os rebeldes sunitas que tentam manter seu controle sobre a estratégica periferia da capital.

Pelo menos 20 rebeldes foram mortos em Sheikh Omar, na ofensiva dos milicianos iraquianos e da guerrilha libanesa Hezbollah, ocorrida sob cobertura da artilharia e de tanques do Exército sírio, segundo os ativistas. Eles disseram que dezenas de combatentes xiitas morreram ou ficaram feridos.

A cidade de Sheikh Omar fica entre duas rodovias importantes para abastecer as forças do presidente Bashar Assad nas províncias de Deraa e Sweida, perto da fronteira com a Jordânia.

Estima-se que mais de 120 mil pessoas tenham morrido em dois anos e meio da guerra civil síria. Autoridades da região acreditam que até 60 mil combatentes xiitas do Iraque, Irã, Iêmen e Líbano tenham ido para a Síria auxiliar Assad. Os rebeldes sírios teriam recebido o reforço de 30 mil combatentes sunitas do exterior./ REUTERS

 
Tudo o que sabemos sobre:
SíriaBashar AssadIraqueLíbano

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.