Militantes do Taleban matam 8 policiais no Afeganistão

Oito policiais do Afeganistão foram mortos no início desta quarta-feira, quando militantes do Taleban aparentemente ajudados por alguém infiltrado tomaram um posto de controle no instável sul do Afeganistão, disse um funcionário.

AE, Agência Estado

28 Setembro 2011 | 08h53

Um porta-voz para a administração local na província de Helmand, Daud Ahmadi, culpou o grupo insurgente pelas mortes, porém disse que a milícia teve ajuda de pelo menos um policial no ataque. "Os agressores foram ajudados por um policial, que agora fugiu com sua arma", disse o funcionário referindo-se ao ataque no distrito de Nahri Sarraj, em Helmand.

"Três outros policiais se feriram e o que era o informante e cúmplice do Taleban fugiu com os agressores", disse Ahmadi.

Na terça-feira, cinco pessoas foram mortas em um ataque suicida perto da sede da polícia na capital da província de Helmand, Lashkar Gar, dois meses após tropas britânicas entregarem o controle da área às forças locais.

O Afeganistão sofre com 10 anos de insurgência, que aumenta a cada ano desde que o país lançou uma ofensiva contra militantes após a deposição do Taleban do poder, em 2001. Os rebeldes têm realizado vários ataques, ajudados por homens infiltrados nas forças de segurança.

No domingo, um norte-americano foi morto e outro ficou ferido quando um funcionário afegão abriu fogo em um anexo da embaixada dos EUA em Cabul usada pela CIA. Não ficou claro se o autor do ataque era um infiltrado do Taleban. As informações são da Dow Jones.

Mais conteúdo sobre:
Afeganistão violência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.