Militantes morrem em confronto com soldados de Israel

Soldados israelenses mataram a tiros dois membros da Jihad Islâmica na Faixa de Gaza, na manhã de hoje, segundo fontes palestinas e israelenses. Os dois militantes morreram a leste de Khan Yunis, na parte sul da Faixa de Gaza, em uma troca de tiros com os soldados israelenses, segundo testemunhas e a Brigada Al-Quds, um grupo militante islâmico.

AE, Agência Estado

26 de dezembro de 2010 | 11h44

Uma porta-voz do Exército de Israel confirmou o confronto. Segundo ela, os homens estavam tentando colocar um explosivo perto de uma barreira de segurança quando foram atingidos. A barreira separa Israel da Faixa de Gaza. Helicópteros apoiaram a ação dos soldados israelenses.

Houve uma piora na tensão nos últimos dias na Faixa de Gaza, onde grupos islâmicos armados aumentam suas atividades militares, lançando mais morteiros e foguetes no sul de Israel. O país reage com vários ataques aéreos, o último deles ontem, quando duas pessoas se feriram e o fornecimento de energia foi interrompido para a Cidade de Gaza. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.