Militantes nigerianos alegam ataque a instalação petrolífera

Uma facção militante do instável Delta do Níger, região petrolífera na Nigéria, declarou neste sábado ter atacado instalações petrolíferas operadas pela empresa norte-americana Chevron e pela italiana Agip.

REUTERS

18 de dezembro de 2010 | 14h48

A Força de Liberação do Delta do Níger (NDLF, na sigla em inglês) disse em um comunicado por e-mail que atacou três estações flutuantes no Estado do Delta na sexta-feira usando artefatos explosivos acionados por controle remoto.

Até o momento não houve comentários nem das empresas nem do governo local.

(Por Joe Brock)

Tudo o que sabemos sobre:
NIGERIAMILITANTESATAQUE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.