Militares indonésios matam quatro rebeldes em Aceh

As tropas indonésias mataram hoje a tiros quatro rebeldes separatistas durante um cerco a uma casa na província de Aceh, informou o porta-voz militar, major Zaenal Mutaqin. Com os assassinatos de hoje, sobe para 80 o número de pessoas mortas violentamente apenas neste ano na região. A maioria das vítimas foi baleada pelas forças de segurança. O porta-voz rebelde, Ishak Daud, disse que as vítimas eram civis e não tinham vínculos com o grupo separatista Movimento Aceh Livre. Os insurgentes lutam desde 1975 por um Estado independente em Aceh. Pelo menos 1.400 pessoas já morreram em conflitos entre os rebeldes e as forças de segurança.

Agencia Estado,

20 Janeiro 2002 | 12h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.