Militares norte-americanos deixam a China

Os 24 militares norte-americanos que estavam detidos desde o dia 1º de abril deixaram a China na manhã desta quinta-feira (hora local) do aeroporto internacional de Haiku, no sul do país, a bordo de um avão charter de Continental Airlines. O avião deve chegar na base norte-americana Guam, no Oceano Pacífico por volta da 1h da madrugada (horário do Brasil).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.