Militares perdem luxo em viagens e banquetes

Um decreto publicado pelo governo chinês proíbe que militares do país realizem banquetes luxuosos, com bebida alcoólica e excesso de comida. A medida é uma tentativa de combater a corrupção entre militares. Oficiais não poderão mais ficar hospedados em hotéis de luxo durante inspeções pelo interior do país. Faixas com mensagens de boas-vindas, tapete vermelho, presentes e arranjos florais também estão vetados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.