Militares tailandeses buscam ministros do governo deposto

A cúpula militar que governa a Tailândiaapós o golpe de Estado ordenou a busca de dois ex-ministros leais ao primeiro-ministro deposto Thaksin Shinawatra, informou aimprensa local. A ordem de busca de Newin Chibchob, ex-Chefe de Gabinete do primeiro-ministro, e Yongyuth Tipairat, ex-ministro de RecursosNaturais, foi assinada na quarta-feira pelo general Sondhi Boonyaratglin, presidente do Conselho para a Reforma, órgão de governo constituído pelos golpistas. A ordem não explica os motivos da busca dos dois ex-membros do Executivo. Esta é a primeira ordem de busca divulgada à imprensa desde a noite de terça-feira, quando Shinawatra foi derrubado pelo generalBoonyaratglin e um grupo de militares. Newin, segundo jornais locais, saiu da Tailândia na véspera do golpe e está em Londres. Shinawatra também está na capital britânica. Acredita-se que Yongyuth ainda esteja no país. A maior parte dos ministros do governo de Shinanawatra e osprincipais membros de seu partido deixaram o país horas antes do golpe, segundo fontes militares. O vice-primeiro-ministro e ministro da Justiça, general Chichai Vanasathidya, que exercia as funções de chefe do governo à reveliade Shinawatra, é o único integrante do antigo gabinete que está detido.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.