Milos Zeman é eleito presidente da República Checa

Na primeira eleição presidencial da República Checa, o ex-primeiro-ministro Milos Zeman foi eleito neste sábado com ampla vantagem sobre o segundo colocado.

SERGIO CALDAS, Agência Estado

26 de janeiro de 2013 | 14h05

O esquerdista Zeman, que em debates anteriores à eleição disse que terá um papel mais ativo no processo legislativo do que seus predecessores, conquistou 55% dos votos após a apuração de 97% das urnas, segundo o escritório de estatísticas checo. Seu oponente, Karel Schwarzenberg, atual ministro das Relações Exteriores, ficou com 45% dos votos.

O comparecimento às urnas na eleição que teve início ontem ficou em 59% dos eleitores.

Zeman, que hoje lidera um novo partido de centro-esquerda, tem 68 anos e é ex-membro do Partido Comunista checo. Defensor de uma maior integração europeia, Zeman tomará posse em meados de março, quando o presidente Vaclav Klaus, que é conhecido por seu ceticismo em relação ao euro, concluir seu segundo e último mandato. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
República Tchecaeleição

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.