Milosevic pode ganhar vaga no Parlamento sérvio

O ex-presidente da Iugoslávia Slobodan Milosevic, preso na Holanda e sob julgamento por crimes de guerra, poderá ser indicado para uma cadeira no Parlamento da Sérvia, depois da vitória esmagadora de um partido extremista nas eleições do último final de semana.O Partido Radical, que apoiou as guerras promovidas por Milosevic nos Bálcãs, conquistou 81 cadeiras no Parlamento de 250 vagas, muito mais que os partidos pró-Ocidente que derrubaram o ex-presidente há três anos. Embora esteja preso, Milosevic poderia ser indicado, simbolicamente, para uma vaga no Parlamento, num feito de propaganda.Os resultados da eleição mostram a profunda desilusão do povo sérvio com a liderança pró-Ocidente que governou a Sérvia desde a queda de Milosevic, em 2000. ?O sucesso dos radicais deve-se principalmente aos erros do governo que sai?, disse Vojislav Kostunica, presidente iugoslavo que sucedeu Milosevic.Slobodan Milosevic, que lançou quatro guerras nos Bálcãs, está sob julgmaneto na Corte Internacional de Haia desde 2002. Ele é acusado de 66 crimes de guerra, incluindo genocídio. O Partido Radical defende abertamente o conceito de uma ?Grande Sérvia?, a ser construída às custas dos países balcânicos mais próximos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.