Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Ministra alemã pede aplicação de sanções contra o Sudão

A ministra de Cooperação e Desenvolvimento alemã, Heidemarie Wieczorek-Zeul, pediu, neste domingo, 12, uma rápida aplicação de sanções contra o Governo sudanês, que permita o posicionamento de "capacetes azuis" na região de Darfur.A situação no Sudão é um dos assuntos na agenda do conselho informal que reunirá, na segunda-feira, em Bonn os ministros de Cooperação e Desenvolvimento da União Européia, e no qual Wieczorek-Zeul proporá como presidente do mesmo uma mudança de atitude na África."Peço a aplicação de sanções para que os soldados (de uma missão internacional) possam entrar no país", disse a ministra à emissora "Deutschalndfunk".Wieczorek-Zeul responsabilizou o Governo sudanês - contrário à intervenção da ONU - pela impotência da comunidade internacional perante as "centenas de milhares de pessoas que são deslocadas e assassinadas".É um "escândalo absoluto" que o embargo de armas só seja aplicado em Darfur e não no resto do país, disse a ministra.Segundo números da ONU, o conflito em Darfur custou até agora a vida de aproximadamente 200 mil pessoas e provocou o deslocamento de cerca de 2,5 milhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.