Ministra brasileira critica elo de EUA e Europa com Kadafi

Em visita a Genebra, a ministra dos Direitos Humanos do Brasil, Maria do Rosário, criticou europeus e americanos "por terem apoiado por anos regimes autoritários que atendiam a objetivos estratégicos de Washington, Paris ou Londres". Hoje, ela participa da reunião do Conselho de Direitos Humanos da ONU. A ministra criticou ainda os que defendem uma intervenção internacional para tentar frear a violência. "As intervenções em geral também produzem crises de direitos humanos."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.