Ministra israelense alerta sobre perigo de financiar governo do Hamas

A ministra do Exterior de Israel, Tzipi Livni, advertiu líderes da Europa sobre o fornecimento de fundos para o governo palestino liderado pelo Hamas, afirmando que o grupo ainda continua sendo uma ameaça terrorista. Tzipi fez o comentário nesta quarta-feira em Viena, sua primeira parada em um tour pela Europa. Ela falou a repórteres que não há garantias de que o dinheiro destinado à Autoridade Palestina, não seja usado contra Israel. Na segunda-feira a União Européia anunciou que forneceria US$ 143 milhões para assistência emergencial ao governo palestino, para impedir seu colapso financeiro, mas até agora não se manifestou sobre como agirá quando o Hamas tomar o poder. Em uma entrevista ao jornal francês Le Figaro ela pediu a suspensão completa de toda ajuda à ANP. "Comida, água e eletricidade são claramente necessidades humanas, que organizações não governamentais e as Nações Unidas podem fornecer. Mas cada vez que dinheiro é dado, temos que nos certificar que não caia nas mãos de terroristas".

Agencia Estado,

01 Março 2006 | 20h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.