Ministro defende prisão de africanos no país

Após o registro de vários delitos nas últimas semanas, supostamente cometidos por imigrantes ilegais, o ministro do Interior de Israel, Eli Yishai, disse ontem que todos os imigrantes africanos "deveriam ser presos". Em uma entrevista à emissora de rádio do Exército israelense, Yishai afirmou que a solução para esses últimos fatos é "dura, mas simples: pôr todos eles, sem exceção, em prisões e centros de detenção". O ministro ainda disse que os imigrantes presos deveriam ser deportados aos países de origem.

O Estado de S.Paulo

17 Maio 2012 | 07h43

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.