Photo by Roque Gonzalez Vera/ABC Color via AP
Photo by Roque Gonzalez Vera/ABC Color via AP

Ministro e vice-ministro do Paraguai morrem em queda de avião

Luis Gneiting, chefe da pasta de Agricultura e Pecuária, e Vicente Ramírez, vice-ministro de Pecuária, estavam em aeronave que se acidentou a 8 km do aeroporto de Ayolas, perto da fronteira com a Argentina; outras duas pessoas morreram no acidente

O Estado de S.Paulo

26 Julho 2018 | 11h40
Atualizado 26 Julho 2018 | 14h27

ASSUNÇÃO - O ministro de Agricultura, o vice-ministro de Pecuária do Paraguai e outras duas pessoas morreram na quarta-feira, 25, na queda da aeronave que os transportava. Os destroços do avião foram localizados apenas nesta quinta pelas equipes de resgate.

De acordo com as informações preliminares, a aeronave com Luis Gneiting, da pasta de Agricultura, Vicente Ramírez, da Pecuária, Luis Charotti, técnico do ministério, e o piloto, Gerardo López, se acidentou a cerca de 8 km do aeroporto de Ayolas, perto da fronteira com a Argentina.

"Não há sobreviventes", afirmou nesta quinta-feira Roque González, membro da Unidade Especial de Busca e Resgate do país. "O avião caiu em uma área pantanosa com ao menos três metros de profundidade nos arredores."

Desintegrado

"A aeronave está totalmente desintegrada e submersa em um espelho d'água", disse o ministro da Secretaria de Emergência Nacional, Joaquín Roa.

O resgate dos corpos "deve ser muito difícil porque o avião caiu em um lugar inóspito", completou o subcomandante da polícia, Gustavo Baez.

A busca pelo avião desaparecido levou cerca de 14 horas desde o seu desaparecimento, pouco depois das 18h22 (19h22 em Brasília) até a localização na manhã desta quinta. / AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.