Ministro garante que Sarkozy vai disputar reeleição

Não há dúvida de que o presidente Nicolas Sarkozy vai concorrer à reeleição, disse nesta quinta-feira o ministro de Finanças da França, Francois Baroin, em entrevista à emissora de televisão francesa i-Tele.

AE, Agência Estado

26 de janeiro de 2012 | 18h25

Há grandes expectativas em relação à candidatura de Sarkozy para um segundo mandato, mas ele ainda não anunciou a decisão de participar das eleições presidenciais, que começam em abril.

"Se a questão é se há dúvidas sobre a candidatura de Sarkozy, então a resposta é não", disse Baroin, acrescentando que não sabe dizer quando o presidente fará o anúncio sobre a questão.

O órgão que acompanha a radiodifusão na França informou nesta quinta-feira que as aparições de Nicolas Sarkozy em rede nacional estão sendo somadas e contarão no limite de tempo que um candidato à presidência pode aparecer no ar.

Um porta-voz do órgão disse que como "suposto candidato, Sarkozy terá suas aparições deduzidas de seu tempo de radiodifusão no que diz respeito ao debate nacional".

Integrantes do opositor Partido Socialista escreveram ao organismo para reclamar que o discurso de Sarkozy na televisão, programado para domingo, vai ferir o "princípio da equidade" entre os candidatos.

Pelas leis de radiodifusão francesa, cada candidato tem direito a um tempo para falar na televisão e ou no rádio, que é calculado de acordo com sua posição nas pesquisas e em eleições anteriores. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
FrançacandidaturaSarkozy

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.