Ministro israelense diz que Jordânia frustrou ataque da Al Qaeda

O ministro da Defesa de Israel, Shaul Mofaz, revelou hoje na reunião semanal do gabinete de ministros que forças de segurança da Jordânia frustraram um ataque de militantes da Al Qaeda contra o Estado israelense. A rádio pública de Israel, que deu a informação, não ofereceu detalhes sobre o suposto ataque. Jordânia e Israel, que assinaram a paz em 1994, mantêm relações estratégicas e de segurança. O presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abba, declarou esta semana a um jornal árabe editado em Londres que, segundo seu serviço secreto, células da Al Qaeda estão operando na Cisjordânia e em Gaza.

Agencia Estado,

05 Março 2006 | 08h23

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.